Papo Torto
Pular

Crítica – Lembranças de Um Amor Eterno

Publicado:   setembro 22, 2016   Categoria:Criticas , Filmes e sériesEscrito por:Italo Goulart

Confesso que só fui assistir esse filme por causa do Jeremy Irons e valeu a pena não só por isso.
Confesso também que o nome escolhido para o filme em português Lembranças de Um Amor Eterno(no original La Corrispondenza), também me causou um certo preconceito, por remeter muito facilmente àqueles romances clichês baseados em algum best-seller mela cueca.
Claro que em certas partes o filme realmente lembra um pouco tais filmes, mas é uma surpresa agradabilíssima quando você se depara com um romance inteligente e um drama profundo e atuações excepcionais.

20160824-04-amor-eterno-papo-de-cinema
Sinopse

A estudante universitária Amy (Olga Kurylenko) leva uma vida de excessos. Trabalhando como dublê, ela faz acrobacias cheias de suspense e perigo, durante cenas de ação. A jovem passa seu tempo livre trocando mensagens com seu namorado, o professor de astrofísica Edward (Jeremy Irons), pelo computador. Após ele negar se encontrar com Amy, ela irá descobrir um triste segredo de seu amado.

Depois de ficar um tempo sem fazer algum filme de fato expressivo, Jeremy Irons chegou em 2016 com toda força e derrubando a porta. No inicio do ano ele se tornou o mais novo Alfred no criticado Batman vs Superman, ao lado de Dev Patel está estreando o sensacional O Homem que Viu o Infinito e agora com a linda Olga Kurylenko, nos entrega esse romance recheado de boas surpresas.
Olga Kurylenko(007-Quantum of Solace) tem a oportunidade de mostrar todo seu talento nesse filme, onde é a protagonista e o faz com maestria.
O diretor italiano Giuseppe Tornatore que ficou conhecido com os filmes Malèna (2000) e Cinema Paradiso (Nuovo Cinema Paradiso, 1989) faz um filme menos ambicioso que os seus anteriores, mas, mesmo assim, consegue mostrar bem seu empenho em fazer um bom filme.
A trilha sonora sufocante do ganhador do Oscar Ennio Morricone(Os Oito Odiados,2015), aumenta mais ainda a imersão na história e no caos psicológico que envolve os personagens.

541014
O filme é cheio de detalhes sutilmente bem colocados, com uma trama que se desenrola de forma calma e sem guardar mistérios demais. É uma história inicialmente complexa, sendo contada da forma mais clara possível sem perder o interesse e prendendo a atenção do espectador.
O longa se faz bastante atual usando de forma inteligente toda a tecnologia presente no mundo de hoje.
Os personagens são muito bem construídos e ganham mais valor pela atuação excelente dos dois personagens principais.
Com um tom cinzento presente em quase todo o filme, ele acompanha bem o estado de ânimo de Amy, que se torna o centro em determinado ponto.

VEREDITO

O filme é excelente para um casal que quer curtir um bom filme junto e é garantia de satisfação também para quem vai ao cinema sozinho. É bonito e conciso em sua premissa e oferece bem mais que o trailer ou sinopse podem mostrar. Vale a pena.

O filme estreia dia 22 de setembro

Visualizacões:   43   Comentários:   1   Curtidas: 0

1 Comentário

23 de setembro de 2016
esse tipo de filme do cotidiano até me agrada
Comentar (pelo Facebook)

Deixe uma resposta

A password will be emailed to you.