Papo Torto
Pular

O Bom Dinossauro – Por que você deve assistir ao filme!

Publicado:   fevereiro 28, 2016   Categoria:Filmes e séries , OpiniãoEscrito por:Jota1

dinodododo

Primeiramente, isso aqui não é uma crítica. Prefiro encarar como uma simples dica para o seu domingo, desse filme que passou por maus bocados e acabou se tornando uma história divertida e cativante.

A missão do filme já era difícil. estreou em 07 de janeiro, quando muitos ainda estavam no hype de Star Wars – O Despertar da Força e se a animação da Pixar a ser lançada após Divertida mente, que foi sucesso de público e crítica, retomaria o padrão do estúdio. O Bom Dinossauro era pra ter estreado em 2014, mas o diretor Bob Peterson não conseguiu terminar o filme com o “selo de qualidade” Pixar e foi substituido por Peter Sohn, que finalizou o filme ao lado de John Lasseter, Lee Unkrich e Mark Andrews. Essa troca de direção resultou em demissões no estúdio, no atraso do filme e possivelmente, na sua execução rápida- O filme tem pouco mais de uma hora e meia – e sua trama simples. Abaixo o trailer e depois spoilers do filme!

 

Apesar de tudo isso, é um filme da Pixar e merece o confere. Os cenários são exuberantes e a qualidade técnica do estúdio é impressionante.  Há tomadas aéreas em que você se pergunta se aquilo é animação ou uma cena real mesmo. Apesar da trama simples – E criticada pela similaridade a O Rei Leão – A premissa é ótima. No filme, o asteroide que há milhões de anos dizimou os dinossauros do planeta, não atingiu a Terra e com isso os dinossauros puderam viver e “dominar” o planeta. Os Apatossauros, espécie do nosso protagonista Arlo, dominam a agricultura como fonte de comida, já os T-Rex, numa cena muito especial, conduzem os “chifrudos” como se fossem criadores de gado, com postura de quem está cavalgando, numa referência aos filmes de faroeste bem bacana.

Então somos apresentados a Arlo, um jovem dinossauro que muita gente deve ter se reconhecido nele. É o filho cacula, a família divide as tarefas da casa e ele busca o reconhecimento do pai, este sempre durão e disposto a fazer o filho encarar o medo e se tornar mais corajoso. Arlo tem o irmão mais velho, que enche o saco dele e a irmã que é mais esperta, a coisa complica quando o pai faz um reservatório de comida e conforme cada um vai demonstrando que realizou a sua tarefa, pode deixar a sua marca no reservatório.

cena-de-o-bom-dinossauro-1451912975721_956x500

O pai de Arlo lhe dá a tarefa de cuidar do reservatório (foto acima) pois há um “animal” roubando comida da família. É onde temos o primeiro contato com Spot, o pequeno humano que está roubando comida e a contra-parte interessante do filme. Como os dinossauros não foram extintos, a Terra não é um local muito apropriado para humanos. Arlo falha na missão dar fim no ladrão de comida da família, Spot, o que faz com que seu pai inicie uma jornada para que Arlo vença seu medo e possa deixar sua marca. O pai de Arlo morre em uma enxurrada que os pega de surpresa  – Uma morte muito semelhante a de Mufasa em O Rei Leão – o que faz com que Arlo fique perdido na floresta e reencontre Spot. A partir daí, os dois dão início a uma amizade e Spot torna-se o fiel companheiro de Arlo para que este retorne a sua casa.

20151106-o-bom-dinossauro-01

As semelhanças com O Rei Leão são claras, mas vale lembrar que nem O Rei Leão é uma história original e O Bom Dinossauro – e outros tantos filmes da Disney/Pixar – seguem uma fórmula clara que já falei dela por aqui: A Jornada do Herói. Também assisti o filme com o olho ligado em possíveis easter eggs ou sinais que poderiam linkar o filme a Teoria Pixar, mas os easter eggs são sutís, fora a aparição de Heimlich, a lagarta de Vida de Inseto que deu uma fritada na minha cabeça. O filme tem referências a Os flintstones, Jurassic Park127 Hours, mas todas bem sutis. E vale lembrar que a Dinoco, empresa petrolífera que está presente desde Toy Story e tem logo de um dinossauro muito semelhante a espécie de Arlo, mudou a logotipo em Carros para um T-Rex, fazendo um mind fuck na nossa cabeça em relação a teoria de ligação entre os filmes. Há quem disse que viu o caminhão da Pizza Planet no filme, entre as pedras ou em formato de nuvens, mas cara, eu teria que ter comido uma daquelas frutinhas azedas pra ter essa visão ae…

1-pressagio4

Por fim, O Bom Dinossauro é um filme divertido, sua trama simples e rápida passa uma impressão de dever de casa feito, mas isso não estraga a beleza do filme. A Pixar finalmente retoma a boa forma depois de continuações bobas como Universidade Monstros e Carros 2 que tinham como função apenas vender brinquedos e o hiato de dois anos foi bom para que o estúdio voltasse a nos presentear com seus belos filmes. A Amizade entre Arlo e Spot é o gancho de sustentação do filme e sua aventura pela floresta rende as melhores cenas até o desfecho final onde dá aquela suadeira nos olhos. Não vou me preocupar com notas depois de tanta coisa que o filme passou. Um filme divertido e pronto. Como os filmes da Pixar são e devem ser.

CRITICA_O_BOM_DINOSSAURO_A_VOLTA_DEFINITIVA_DA_PIXAR_6-1024x576

Visualizacões:   58   Comentários:   0   Curtidas: 0
Comentar (pelo Facebook)

Deixe uma resposta

A password will be emailed to you.